Arquivo da tag:

Entender para Crer ou Crer para Entender?

O pensamento teológico cristão vem sendo desenvolvido a mais de dois mil anos. São séculos de reflexão teológica profunda, onde mentes brilhantes foram sistematizando a doutrina cristã. Ao estudar a construção das bases da fé do cristianismo surge a seguinte questão: precisamos entender para crer ou crer para entender? Esse debate não é recente e segue sendo atual.

Vamos refletir a respeito dele, através de um exemplo. Nos três primeiros séculos da cristandade muito se debateu a respeito da divindade de Cristo. A ortodoxia afirmava que Jesus era 100% homem e ao mesmo tempo 100% Deus. Mas como explicar isso?

Na tentativa de fazê-lo surgiram movimentos como Ebionismo (que afirmava que Jesus era um profeta mas não era Deus) e o Docetismo (que acreditava num Jesus que era apenas espírito, sem nenhuma humanidade).  Todos esses movimentos foram considerados hereges e rejeitados pelos pais da igreja e se diluíram com o tempo. Refletindo a respeito desta experiência, percebe-se que na busca de facilitar a compreensão humana, corre-se o risco de afastar-se dos fundamentos bíblicos, por mais difícil que seja explicar como alguém pode ser 100% homem e 100% divino ao mesmo tempo, as escrituras afirmam que Jesus era Deus (Jo 8.58) e homem (Fl 2.6-8). Assim como é difícil compreender a Trindade (um único Deus que se manifesta em três pessoas diferentes), a salvação através da morte de Jesus, a vida eterna após a morte, entre tantos outros temas.

Mas afinal, precisamos entender para crer ou crer para entender? A história revela que sempre que se busca primeiro entender para  crer, o resultado dessa escolha afastou o homem de Deus e fez com que o homem criasse para si um deus a sua imagem e de acordo com seu pensamento. Vide o exemplo das heresias dos primeiros séculos e do Liberalismo Teológico. Sempre que tentamos conhecer Deus pelo caminho da razão, nosso conhecimento será incompleto e por vezes incoerente com o texto bíblico. O caminho para conhecer o Deus revelado pelas Escrituras Sagradas, que se manifestou em Jesus Cristo, é inverso, ele requer primeiro crer para depois entender.

A fé é a lente com a qual compreendo a revelação bíblica, pois os fundamentos do cristianismo não são científicos, seus pressupostos requerem fé. Por isso precisamos primeiro crer para aí sim entender o Evangelho. Que não nos falte fé para compreender e viver os fundamentos do cristianismo!!

crer para entender